Vim compartilhar com vocês um tipo de museu que achei muito interessante, o Museu da Pessoa!
Trata-se de um museu virtual e colaborativo que tem como objetivo “registrar, preservar e transformar em informação, histórias de vida de toda e qualquer pessoa da sociedade”. Ele foi criado há mais de 20 anos e o seu acervo conta com depoimentos em áudio, vídeo e texto, além de fotos.

Essa iniciativa brasileira inspirou projetos similares em Portugal, Estados Unidos e Canadá. Com sua proposta colaborativa, qualquer pessoa pode mandar sua história e virar parte do acervo. Para isso, basta clicar em “Conte sua história”, na homepage. Além disso, é possível ser um curador também, criando suas coleções de histórias (procure “Monte sua coleção” na página).

Destaco alguns links:
– A trajetória pessoal e profissional da pedagoga Nara Freitas contada por ela mesma. Apaixonada pelo poder transformador da educação, Nara trabalha há 18 anos na mesma escola, sempre buscando melhorar! A história completa está aqui: http://www.museudapessoa.net/pt/conteudo/historia/a-vida-e-uma-luta-116327
– O Museu também montou uma coleção de histórias sobre professores, veja aqui: http://www.museudapessoa.net/pt/conteudo/colecao/eles-ensinam-101964

O Museu faz um trabalho incrível de dar voz ao povo ao registrar e documentar as histórias de várias pessoas, sem distinção. Num país multicultural como o nosso, é importante, como cidadão e educador, saber ouvir o outro e ter empatia para entender outras realidades. Indique para outros professores e utilize esse recurso em sala de aula!

Para inspirar:

“O objetivo dos museus – presentes e futuros – não deve ser o de representar Estados, mas o de recriar o mundo de seres humanos únicos – os mesmos seres humanos que trabalharam sob regras de opressão por centenas de anos. O futuro dos museus está dentro de nossas próprias casas.” – Orhan Pamuk