No dia 13 de julho, as co-fundadoras da Mupi Ana Rute Mendes e Paula Furtado realizaram uma palestra no FISL 17º (Fórum Internacional de Software Livre – 17ª edição) que trouxe a importância dos times multidisciplinares no desenvolvimento de softwares livres educacionais.

O evento, realizado em Porto Alegre – RS, teve como tema este ano a Internet das coisas ou das Pessoas? O papel do Software Livre para o futuro de todos nós e proporcionou o debate entre diferentes áreas do conhecimento que de alguma forma estão conectadas ao uso ou desenvolvimento de tecnologias livres.

Nosso objetivo é construir uma humanidade mais justa, colaborativa e com conhecimento livre. (FISL 17º – 2016)

Realizamos nossa palestra na área de educação e tecnologia do evento, mais especificamente  na sala por eles intitulada Paulo Freire, e, superando nossas expectativas de público, reuniumos educadores, professores de diferentes níveis e técnicos que se identificaram com o tema que propusemos que era o debate sobre a importância da multidisciplinaridade nos times de desenvolvimento de softwares livres educacionais.

Em nossa apresentação, apontamos um problema recorrente ao lidar com softwares educacionais livres que é a distância entre como o software foi concebido (geralmente, por profissionais que não atuam com educação) e as reais necessidades dos usuários finais que na maioria das vezes são usuários pouco familiarizados com novas tecnologias. Nós, na Mupi, acreditamos (e trabalhamos assim) que a concepção de soluções construídas por  times multidisciplinares pode trazer impactos bastante significativos para ampliar o acesso à informação/educação e novas tecnologias e pudemos expor um pouco sobre nossa participação em projetos com Software Livre, como o TIM Tec e Read in Web

Achamos importante que os educadores participem de todo processo de desenvolvimento das ferramentas, com a liberdade de modificar conforme as necessidades na prática em sala de aula. Para isso deve haver mais diálogo entre desenvolvedores e ducadores. (as palestrantes)

Ficamos muito felizes em participar de um evento que traz o maior encontro de comunidades de Software Livre do mundo todo e ver que esse espaços que fervilham inovação estão cada vez mais considerando a integração e a colaboração das diversas áreas do conhecimento. Segue nossa apresentação da palestra!